COMISSÃO PASTORAL DA TERRA

 

 

Diversas atividades ocorrem na semana do dia 28 de janeiro, em virtude do Dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo, como a exibição do documentário “Precisão”, do Ministério Público do Trabalho (MPT) e Organização Internacional do Trabalho (OIT), e o lançamento do livro "Escravidão Contemporânea", organizado por Leonardo Sakamoto. Confira:

Fonte: Campanha Nacional da CPT de Prevenção e Combate ao Trabalho Escravo

Cartaz documentário "Precisão": Divulgação

Foto: CPT Maranhão

Tocantins

Nova Olinda: Na manhã deste dia 28 ocorre uma mobilização dos/as agentes de saúde nos bairros Bueno e Cardoso (com foco na Rede de Ação Integrada para Combater a Escravidão – Raice), com caminhada e distribuição de materiais informativos para a população. O evento é apoiado pela Secretaria Municipal de Saúde.

Palmas: Neste dia 29, às 19 horas, acontece, no Memorial Carlos Prestes, o evento “Trabalho Escravo? Diga Não!” com a exibição do documentário “Precisão”, e debate sobre a produção cinematográfica.A atividade é organizada pela Comissão Estadual para Erradicação do Trabalho Escravo do Tocantins (COETRAE/TO), e apoio da  Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado do Tocantins (FETAET), SESC e Secretaria de Justiça e Cidadania do Governo do Tocantins.

Augustinópolis: Também nesta quarta, 29, acontece a primeira caminhada popular contra o trabalho escravo. Iniciativa organizada pela Secretaria Municipal de Saúde e Comissão Pastoral da Terra (CPT).

Muricilândia: No dia 31, às 07 horas, jovens quilombolas realizam uma panfletagem na rodovia TO-222. Às 17 horas, no município, acontece a V caminhada popular da cidade contra o trabalho escravo (organização do Quilombo Dona Juscelina, Secretaria Municipal de Saúde, Secretaria Municipal de Educação, Irmãs dominicanas e CPT). Às 19 horas, na praça da cidade, acontece uma mostra cinematográfica com vídeos curtos produzidos por alunos e alunas a partir do “Programa Escravo Nem Pensar”. O documentário “Precisão” também será apresentado na oportunidade, seguido de um debate ao ar livre.

Araguaína: Já no dia 1º de fevereiro ocorre uma mobilização de grupos de jovens capoeiristas com panfletagem em bairros populares do município. O evento é organizado pela Casa da Capoeira e CPT.

Maranhão

Codó: Às 14 horas deste dia 28, no Auditório do Fórum da Comarca de Codó, acontece uma roda de conversa e exibição do documentário “Precisão”, do Ministério Público do Trabalho (MPT) e Organização Internacional do Trabalho (OIT).

Timbiras: Às 09 horas deste dia 28, no Auditório da Câmara Municipal de Timbiras, ocorre também uma roda de conversa e exibição do documentário “Precisão”.

Pará

Belém: Na capital paraense, no dia 24, antecedendo o Dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo, 28 de janeiro, acontece, entre às 14h30 e 22 horas, na Universidade da Amazônia (UNAMA), o seminário “Monitoramento do Plano Estadual de Erradicação do Trabalho Escravo no Estado do Pará”. A atividade é organizado por “Só Direitos”, e tem como apoiadores a Comissão Estadual para Erradicação do Trabalho Escravo do Tocantins (COETRAE/PA), CPT e Associação dos Magistrados do Trabalho .

Itupiranga: Entre às 08h30 e 10h30 deste dia 28 ocorre uma caminhada pelo centro da cidade, com distribuição de materiais informativos sobre trabalho escravo. O evento é uma iniciativa da Rede de Ação Integrada para Combater a Escravidão (Raice), Comissão Pastoral da Terra (CPT), SEMAS, CRAS, CREAS, SEMEC, SINE, STTR e Conselho Tutelar.

::. Conheça a Campanha Nacional da CPT de Prevenção e Combate ao Trabalho Escravo

Trairão: Entre os dias 26 e 28, nas comunidades rurais de Batata e Menino Jesus, acontece um Encontro de Formação sobre Trabalho Escravo, além da distribuição de materiais sobre o programa Raice e a temática do Trabalho Escravo. O evento é organizado pelo Raice e CPT, e parceria com o com MPT.

Santarém: Neste dia 28 acontece uma roda de conversa sobre a temática “Trabalho Escravo”, no CREAS municipal, com palestra de representante da CPT. A iniciativa é organizada pela Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social e CREAS, e parceria da Rede Raice. 

Tucuruí: E nesta terça, 28, acontece um bate-papo na Rádio FM Floresta (104.7) sobre a temática do trabalho escravo e uma ação de panfletagem no centro da cidade.

::. Confira, abaixo, o documentário "Precisão":

                                                   

Mato Grosso

Cuiabá: Às 19 horas deste dia 28, na sede do Serviço Pastoral do Migrante (SPM), ocorre a exibição e debate do documentário “Precisão”. Na fala de pessoas escravizadas e de agentes públicos e da sociedade civil que combatem este crime: a crueldade do trabalho escravo. O evento é organizado pela CPT, e conta com o apoio do MPT e SPM.

LEIA TAMBÉM: Nota da CPT e da CEPEETH para o Dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo

São Paulo

A Editora Contexto, Leonardo Sakamoto e a Livraria da Vila lançam, nesta terça-feira, a publicação “Escravidão Contemporânea”, organizado pelo fundador e presidente da organização Repórter Brasil, Sakamoto. O lançamento ocorre às 18h30, na Livraria da Vila, em São Paulo.

No Auditório da Câmara Municipal de Timbiras acontece, nesta manhã de terça, uma roda de conversa e a exibição do documentário “Precisão”.

Crédito: CPT Maranhão