COMISSÃO PASTORAL DA TERRA

 

 

A 1ª Semana de Resistência Camponesa do Mato Grosso acontecerá, com a maioria das ações de forma virtual, entre os dias 27 e 30 de julho, e contará com uma programação de debates sobre a luta e o direito à terra, compartilhamento de experiências e saberes do campo, além do lançamento do documentário “Nova Conquista: história de luta, resistência e conquista da terra”, do livro Peneira de Saberes: conhecimentos tradicionais e manejo de agrossistemas no Araguaia” e do relatório anual da CPT, Conflitos no Campo Brasil 2020 .

A Comissão Pastoral da Terra (CPT), juntamente a diversos parceiros e parceiras, realiza esse evento com o objetivo de expor para a sociedade a realidade de violência e conflitos no campo no estado, e também mostrar a mudança na vida das famílias que acessam a terra e conseguem produzir alimentos saudáveis. Ao longo desses dias as comunidades camponesas também devem denunciar as situações conflituosas que têm vivido e cobrar do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA), do Estado e das demais instituições públicas que os seus direitos garantidos na Constituição sejam efetivados e respeitados.

A nossa motivação enquanto pastoral é a de dar visibilidade às lutas e resistências do povo camponês no Mato Grosso, um estado tomado pelo agronegócio, e mostrar que quando as famílias acessam a terra, e têm o seu território para sobreviver, não só a vida delas muda, mas também das pessoas da cidade, que passam a ter acesso a alimentos saudáveis e com isso têm uma melhor qualidade de vida”, destaca a coordenação regional da Pastoral da Terra.

A ação é realizada pela CPT-MT, e conta com o apoio do Fórum Mato-grossense de Meio Ambiente e Desenvolvimento (FORMAD), Conselho Indigenista Missionário (Cimi), Via Campesina, Cena Onze, Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB), Coletivo Proteja Amazônia (CPA) e Fórum de Direitos Humanos e da Terra (FDHT).

Programação

27.07 (terça): Lançamento do relatório Conflitos no Campo Brasil 2020, da CPT, às 14 hrs, horário do Mato Grosso, e 15 hrs, horário de Brasília. Participam: Luís Claudio da Silva, membro da coordenação regional da CPT; Ana Cláudia, representante da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB); Gilberto Vieira, do Cimi; Inácio Werner, presidente do Conselho Estadual de Direitos Humanos; Marilza Schuina e Teobaldo Witter, do FDHT.

28.07 (quarta): Webinário Luta pela Terra: grilagem e violência no Mato Grosso às 18 hrs, horário do Mato Grosso, e 19 hrs, horário de Brasília. Com mediação de Glória Maria, agente da CPT-MT, e participação de Felício Pontes, procurador da República do MPF, Renan Vinicius Sotto Mayor de Oliveira, defensor regional de Direitos Humanos de MT (DPU) e Isolete Wichinieski, coordenadora nacional da CPT.

29.07 (quinta): Lançamento do livro Peneira de Saberes: conhecimentos tradicionais e manejo de agrossistemas no Araguaia”. O evento ocorre, de maneira online, às 18 hrs, horário do Mato Grosso, e 19 hrs, horário de Brasília. A mediação do lançamento será de Naira Maranhão Klein, agente da CPT na região do Araguaia. Também participam do lançamento: Fernando Schneider, organizador do livro, Aldemira Ferreira da Silva, professora do Instituto Federal do Mato Grosso (IFT), e Dom Adriano Ciocca Vasino, bispo da Prelazia de São Félix do Araguaia.

30.07 (sexta): Lançamento do documentário Nova Conquista: história de luta, resistência e conquista da terra”. O evento ocorre, de maneira online, às 18 hrs, horário do Mato Grosso, e 19 hrs, horário de Brasília. A mediação do lançamento será de Kamila Fernandes Picalho, coordenadora da CPT-MT, e a participação dos camponeses e camponesas Margarida Maria Cardoso, Gelson Pires Bezerra, Lilian Graciela Tavares de Barros e Edson Ferreira Lima.

SERVIÇO

1ª Semana de Resistência Camponesa do Mato Grosso

Quando: Entre os dias 27 e 30 de julho de 2021 

Acompanhe toda a programação pelas redes sociais da Comissão Pastoral da Terra (CPT), assim como os materiais que serão lançados: Facebook: https://bit.ly/3l259Jh | Youtube: https://bit.ly/3ePA0EH

Mais informações: Welligton Douglas (coordenação regional da CPT): 65 98429-8556 | Elvis Marques (assessoria de comunicação): 62 99113-8277