COMISSÃO PASTORAL DA TERRA

 

 

 

Conflitos

TI Morro dos Cavalos sofre ataque a tiros

TI Morro dos Cavalos sofre ataque a tiros

Pivô da CPI da Funai e do Incra, a Terra Indígena Morro dos Cavalos passa por instabilidade. Na madrugada do dia 18 para o dia 19 de novembro (sábado para domingo), pessoas em carros passaram atirando contra as casas de famílias Guarani na Tekoá Yakã Porã, que fica na Enseada do Brito, na Tekoá Itaty que fica no Morro dos Cavalos e também o Centro de Formação que fica afastado da aldeia na Estrada do Maciambu. O texto é da página O Indigenista:

Leia mais:

População de Correntina vai às ruas em defesa das águas

População de Correntina vai às ruas em defesa das águas

CPT Bahia divulga Nota em solidariedade ao Ato que ocorrerá amanhã (11), na cidade de Correntina (BA), em defesa das águas e dos territórios tradicionais do Cerrado e em apoio aos manifestantes que ocuparam duas fazendas da região, no dia 2 de novembro último. Confira o documento:…

Leia mais:

Pistoleiros, policiais e pecuarista são condenados em Rondônia por morte de sem-terra e tentativas de assassinato

Pistoleiros, policiais e pecuarista são condenados em Rondônia por morte de sem-terra e tentativas de assassinato

Em 31 de janeiro de 2016, após uma reintegração de posse no Acampamento Terra Nossa, em Rondônia, cinco membros do acampamento sofreram uma verdadeira caçada humana. Um jovem foi morto e encontrado carbonizado. Outro continua desaparecido até hoje. Desde então, várias testemunhas e lideranças foram mortas. Quase dois anos depois, os responsáveis foram levados ao Tribunal do Júri. Confira:

Leia mais:

O colapso hídrico da Bacia Hidrográfica do Rio Paraguaçu e o eminente conflito entre os usuários

O colapso hídrico da Bacia Hidrográfica do Rio Paraguaçu e o eminente conflito entre os usuários

Na última segunda-feira (23), o Instituto Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos – INEMA decretou a suspensão de 50% do volume outorgado para o rio Utinga e todos seus afluentes, exceto para consumo humano e dessendentação animal. A intervenção, por meio da Portaria 15.068, aconteceu durante toda semana e atingiu também os produtores com bombas não licenciadas, acima de 5 CV (cavalos de potência).

Leia mais: