COMISSÃO PASTORAL DA TERRA

 

 

Em reunião virtual realizada em 25 março, o Comitê Internacional do Fórum Social Pan-Amazônico (Fospa) nomeou a cidade de Belém do Pará (Brasil) como palco de sua décima edição, a ser realizada em 2022.

Do Comitê Internacional do Fórum Social Pan-Amazônico (Fospa)

Assim, o Comitê Nacional do Brasil, para o qual convergem diferentes comitês locais, deverá cumprir esta fase do processo FOSPA em coordenação com os outros países, desenvolver os critérios metodológicos, os eixos programáticos e as articulações das iniciativas das diversas organizações e grupos presentes na Amazônia, no horizonte da agenda consignada na Carta de Mocoa.

O desafio para a atenção integral à Amazônia hoje é redimensionada pela ofensiva do capital transnacional nesses territórios, em cujos recursos naturais e sociais vislumbra uma das alternativas para superar a crise econômica que a pandemia agravou. Por tal motivo, além da crise de saúde, Hoje a Amazônia é palco de violenta intervenção extrativista de governos corporativos, especialmente o de Bolsonaro, aprofundando ecocídio e etnocídio nesta região. O desmantelamento das normas protecionistas, os números dos impactos da pandemia e dos assassinatos de indígenas e ambientalistas, junto com a repressão constante de protestos sociais são exemplo dos ataque que têm por objetivo abrir caminho para grandes negócios.

Mais de mil pessoas de diversos países participam do IX Fospa

Na reunião do Comitê Internacional foi reafirmado, portanto, o compromisso Fospa em realizar um processo inclusivo e abrangente que incorpore todas as experiências comunitárias existentes nos nove países da bacia amazônica, que enfrentam e geram alternativas a este modelo cruel e predatório. Da mesma forma, implica continuar fortalecendo alianças que permitam que a Amazônia se posicione nas agendas dos movimentos latino-americanos e globais, particularmente no Fórum Social Mundial, nicho Fospa.

Fospa exige ação imediata dos governos ante o etnocídio dos povos amazônicos

Nesta décima etapa, o Fospa pretende aperfeiçoar ações mais características de sua ação em defesa da Amazônia: um, participação comunitária de diferentes povos e culturas; dois, a articulação em torno das Iniciativas de Ação que desenvolvem as apostas programáticas; e, três, a presença marcante das mulheres e suas lideranças nas diferentes áreas de atuação do Fospa.

O Comitê Internacional também expressou nesta reunião o seu agradecimento ao esforço realizado pelo Comitê Colômbia, que conduziu a nona edição do Fospa e conduziu o processo até o momento em que se inicia a fase de conexão com o Comitê Brasil.

Parabenizamos o Comitê FOSPA Brasil por esta merecida eleição e o acolhemos com o compromisso de seguir de mãos dadas neste novo caminho que estamos trilhando, em que tem o papel de ser conselheiro orientador do X FOSPA.

Amazônia, 25 de março de 2021.